Objetivo


sábado, 26 de agosto de 2017

A CARAVANA DO FRACASSO E OS DESTEMPEROS DE UM CANDIDATO

No Rio Grande do Norte foi um dos vários
estados e cidade onde foi vaiado e hostilizado.
Estamos assistindo e constatando que A Caravana do Fracasso à medida que passa por várias cidades do nosso valoroso e sofrido Nordeste muita gente vai reagindo contra e vaiando o Lula, que desobedecendo todas as leis e normas está em campanha política antecipada. O curioso é que o estridente Gilmar Mendes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral - TSE a quem caberia uma providência não diz um pio, faz ouvidos de mercador. Suas baterias estão concentradas em atacar juízes, procuradores e policiais federais encarregados da operação Lava-Jato, que já colocou vários políticos , empresários e funcionários ladrões na cadeia.
Acompanhado de sua trupe entre estes a Gleisi Hoffmann , citada na Lava-Jato, e o barulhento e intolerante Lindberg Farias , que é da turma esquerdopata que não aceita o contraditório,dentre outras figuras que não engrandecem o Senado Federal e a Câmara Federal. Ao contrário, contribuem e muito para o desprestígio do Parlamento brasileiro.
Eles esperavam uma recepção estrepitosa por onde passassem em apoio as baboseiras e mentiras que os petistas costumam arrotar nos palanques e carros de som  armados e alugados com o dinheiro do Fundo Partidário ou de prefeituras e governos ligados a eles. Neste vídeo acima Lula desrespeita e xinga várias vezes seu assessor.
Mas, ao contrário ,estamos vendo que A Caravana do Fracasso que traz e tenta em vão espalhar ideias retrógradas, separação, intolerância , projeto comunista de políticas estatizantes, censura à imprensa está sendo rechaçada e recebida apenas pelos mortadelas e pobres coitados desinformados e ávidos por um falso abraço de político em campanha.
Veja este vídeo ao lado no Youtube onde ele também foi hostilizado pelos cariocas.Uma das grandes mentiras desta Caravana do Fracasso é que seus participantes dizem que são defensores da democracia. Esta é a maior de todas as mentiras. Democracia não combina com comunismo, com intolerância e com censura à imprensa.
Os 14 anos que estiveram no poder desempregaram 14 milhões de brasileiros; quase quebram a Petrobras com a roubalheira; destruíram as finanças do Estado brasileiro deixando um rombo fiscal bilionário; quase aniquilam os fundos de pensão dos trabalhadores do Correios, Caixa Econômica Federal , Banco do Brasil e da Petrobras; quase destroem o sistema elétrico e patrocinaram o maior esquema de corrupção do Planeta. Muitos já estão na cadeia, vários processados e dezenas respondem a processos em andamento nos quatro cantos do país.



Postar um comentário