Objetivo


quarta-feira, 6 de novembro de 2013

LULA ATACA NOVAMENTE A IMPRENSA

Estamos assistindo em toda a América Latina uma tendência dos governos populistas de tentar controlar a imprensa macumunados com tribunais venais. Punem jornais, estações de televisões e prendem jornalistas. Isto vem acontecendo no Peru, Venezuela, Argentina e aqui no Brasil as tentativas já foram várias. Até aqui  na Bahia o Governo petista criou um conselho de tendências desconhecidas.
Geralmente os governos populistas só gostam de imprensa que os elogiem e a seus asseclas. Detestam críticas e não toleram o contraditório. O Presidente Lula mais uma vez no último dia 1º de novembro, em Foz do Iguaçu, Paraná,  declarou que “imprensa no Brasil vende desgraça.” Este seu discurso é uma demonstração clara da má vontade do líder maior do PT em relação a imprensa do seu país.

Continuando com seus ataques disse a seguir “A imprensa nacional não tem falado do fórum. Talvez amanhã falem. Lula ataca a imprensa. É fantástico. Eles me atacam todo dia e dizem que os ataco.  O dado concreto é este: há uma predisposição para vender desgraça nos meios de comunicação”.
Estranhei mais uma vez o seu discurso, porque tem declarado em sua carreira política ,que não lê jornais. Talvez tenha ouvido falar que a imprensa o tenha atacado ... Na realidade, deve ter sido as críticas que a imprensa faz  às suas declarações, muitas vezes inconsequentes.
Postar um comentário