Objetivo


segunda-feira, 30 de abril de 2012

MÚSICA - NOVOS BAIANOS FAZEM 10 ANOS

Revista FATOSeFOTOS GENTE 23 de Abril de 1979
Fotos Arestides Baptista

Nove filhos e 12 discos depois,
os Novos Baianos fazem 10 anos de
um novo estilo de música e de vida.

O conjunto Novos Baianos está completando 10 anos, com seu jeito imprevisível, alegre, criativo. E – apesar de muita gente, na época, não fazer fé que pudesse dar certo – está hoje com oito LPs e quatro compactos.
A proposta do grupo era mais ampla, a de formar uma comunidade, porque cada um morava longe do outro e era difícil reunir para ensaios. Agora, mostram, orgulhosos, não só a sua produção musical mas também as nove crianças, sendo que, quatro são de Baby Consuelo e três de Galvão, o líder do grupo, ex-engenheiro-agrônomo.

“Aqui não existe esta conversa de famílias fechadas, constituídas. Existe, é claro, o respeito. Mas meus filhos gostam de mim como de qualquer membro do grupo, embora não sejam nem seus parentes. Os garotos recebem muito afeto de todos porque somos um grupo unido pelo amor. A presença de muitos garotos fazem com que fiquem felizes porque têm com quem brincar”. Eles acabam de lançar um disco comemorativo da década.                                                                    
   
O clima, não só das crianças, é de muito bom humor. Basta ver, por exemplo, o filme Cinema Olímpia, que estão fazendo. No elenco, todos os integrantes do conjunto, vivendo vários episódios: Charlie Negrito e os Homens, Alma de Palhaço com Bola do Caixão e a Multidão (terror brasileiro), Gato, oi Gato (paranoia brasileira, com o Gato Félix), Gasolina Versus Rolimã (com Didi, Baixinho e Jorginho, a 60km por hora na serra de Guaratiba), Aventuras e Sonhos de Paulito Monroe Macarrão 18 (com Paulinho Boca de Cantor), Serpentina Não É Cobra, Não (com Pepeu e Baby Consuelo, sobre o Gênesis). E para completar a relação dos integrantes do conjunto e ao mesmo tempo do elenco do filme, o último episódio é O Esquerdinha, o Direitinha, o Alienado e o Sem-Lógica, estrelado por Macalé, Evandro, Zé Paulo e Galvão. “São quatro mendigos, que moram na porta de um cinema. Representam a realidade e a fantasia, uma mistura já que para nós não existe limite entre o real e o sonho. Eles se confundem nas nossas músicas, nossas ações e em tudo aquilo que fazemos”.
Baby Consuleo com uma de suas filhas, foto acima.
Postar um comentário